Gladson Cameli garante mudanças para anistiar multas de produtores rurais do Acre

Em visita a vários moradores do estrada Transacreana, durante todo o dia de domingo (19), o candidato ao governo do Acre pela coligação Mudança e Competência, Gladson Cameli, percorreu vários ramais e reafirmou às famílias locais que seu governo começará da zona rural para zona urbana, destacando seu compromisso de acabar com a perseguição aos produtores rurais que há anos sofrem com multas injustas e milionárias. 

Cameli disse que pretende anistiar os produtores rurais das multas aplicadas pelo Instituto de Meio Ambiente do Acre (IMAC), sendo essa uma das propostas apresentadas pelo candidato em seu Plano de Governo registrado no Tribunal Regional Eleitoral (TRE). 

O compromisso decorre de reivindicações antigas dos trabalhadores do setor primário que atuam em todos os municípios e que por falta de alternativas econômicas, acabam desmatando além do limite legal para a formação de pastagem. Sensível à essa e outras situações envolvendo produtores rurais, Gladson tem reafirmado que caso eleito seu governo vai começar da zona rural para zona urbana. 

 “É daqui que sai o nosso alimento. Outro absurdo, por exemplo, é que os produtores rurais tenham que tirar dinheiro do próprio bolso para comprar combustível e escoar a produção. Só quem vive e produz no Acre conhece a realidade. Mas, em breve o nosso povo vai se libertar dessa prática que tanto mal tem feito a nossa gente”, disse Gladson.

Dentre as propostas para os produtores rurais apresentadas por Cameli constam assessoria técnica, escoamento da produção, estímulo ao cooperativismo, recuperação e incorporação ao sistema produtivo agropecuário de mais de 500 mil hectares de capoeiras, retomada da produção de grãos, reestruturação da piscicultura, incentivo à agroindústria, bem como a manutenção dos ramais.

De acordo com o comerciante Francisco de Assis, morador da Vila Manoel Marques, outro problema enfrentado pelos moradores da Transacreana e que precisa ser resolvido de imediato é a questão do abastecimento de água. “Água aqui só a da chuva. Sempre prometeram uma obra para acabar com esse nosso sofrimento e nunca fizeram. Agora, deposito toda minha confiança e esperança no Gladson”, relatou Assis.  

Segundo o candidato ao governo pela coligação Mudança e Competência, o momento agora é de apontar soluções e dar respostas aos anseios dos acreanos. “O governo não atende aos pleitos dos verdadeiros donos do Acre: o povo. Quero trazer de volta a dignidade e o respeito que eles merecem.Sei que se eleito as dificuldades serão muitas. Não vou criar expectativas as quais eu não possa cumprir. Mas, juntos vamos colocar o estado de volta ao eixo”, conclui Gladson.

Comitiva – A comitiva do candidato ao Governo do Estado, Gladson Cameli, que percorreu a Transacreana foi composta pelo candidato ao Senado da República, Sérgio Petecão (PSD), pelos candidatos a deputado federal Alan Rick (DEM) e Nelson Sales (Progressistas), bem como pelos candidatos a deputados estaduais Raimundo Vaz (PR), Antônio Pedro (DEM), Eliane Sinhasique (MDB) e Chico Doido, todos da coligação Mudança e Competência.  

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades em primeira mão!

Comentários

Siga nas redes sociais:

Receba Novidades