Gladson Cameli afirma que Senado deve atuar no combate à crise

O senador Gladson Cameli (PP-AC) do Acre, afirmou nesta terça-feira (16) que o Senado precisa atuar de maneira mais decisiva para restaurar a confiança no Brasil. Segundo ele, há um pessimismo generalizado, mas é preciso mostrar que o país tem um Senado atuante, em busca de soluções para a economia.

O senador citou dados do IBGE que mostram queda de 1,7% no Produto Interno Bruto no terceiro trimestre de 2015. A queda acumulada em quatro trimestres ficou em 2,5% e foi registrada em diferentes setores, como agropecuária, serviços e indústria.

— Passamos um ano no imobilismo político. O governo até agora somente buscou montar sua base, mas não soube apontar saídas concretas para esse tenebroso cenário econômico. O desemprego aumenta, os serviços públicos essenciais minguam e o Brasil sofre — afirmou.

Para Gladson, há uma influência externa na economia, mas os problemas que o Brasil enfrenta agora também são resultado de uma política econômica equivocada do governo, com gastos descontrolados e orçamento fictício.

O parlamentar finalizou seu discurso afirmando que os senadores não podem compactuar com isso.

— Devemos mostrar, para os brasileiros e para o mundo, que temos um Senado atuante e gerador de soluções para nossa economia e para o desenvolvimento do Brasil.

Assesoria com Agência Senado 

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades em primeira mão!

Comentários

Siga nas redes sociais:

Receba Novidades