Possibilidade do Impeachment faz Bancada Acriana Traçar Agenda Positiva

Senadores Gladson Cameli e Sérgio Petecão e deputados federais Jéssica Sales, Flaviano Melo e Major Rocha se reuniram para discutir as consequências da crise política e econômica no estado.

O senador Gladson Cameli (PP-AC) reuniu nesta quinta-feira (05), em Brasília, os parlamentares da bancada do Acre, senador Sérgio Petecão (PSD), deputada federal Jéssica Sales (PMDB) e deputados federais Flaviano Melo (PMDB) e Major Rocha (PSDB) para discutir as consequências da crise política e econômica no estado.

“Estou bastante preocupado com a escalada do desemprego e os rumores do iminente contingenciamento de recursos importantes para o Acre e que vão afetar principalmente as obras da ponte sobre o rio Madeira e o anel viário de Brasileia. Por isso, a bancada federal deve dialogar e se unir em torno de uma agenda positiva para o estado”, observou Gladson aos representantes dos acrianos.

 

 

 

 

 

 

 

No encontro, senadores e deputados também conversaram sobre as possíveis mudanças na conjuntura política do país. O senador Sérgio Petecão disse acreditar que o entendimento entre os integrantes da bancada federal é o primeiro passo para construir boas perspectivas para o Acre. “Os parlamentares sabem de suas responsabilidades. Não podemos negar que teremos outra conjuntura política nos próximos dias. Então, o estado não pode se dar ao luxo de perder os recursos federais. Por isso, o diálogo com todos os parlamentares é fundamental”, destacou.

O deputado federal Flaviano Melo observou que, diante da possibilidade de o Brasil ter um novo governo na próxima semana, deve ser prioridade entre os parlamentares acrianos discutir como o Acre será tratado.

Já para deputada federal Jéssica Sales a reunião com a bancada demonstra união. "Estamos preocupados com o nosso estado, independente de cores partidárias, queremos um Acre cada vez melhor”, disse.

"É preciso colocar o Acre como uma das prioridades do país", destacou o deputado federal Major Rocha. “Nós sabemos que o próximo presidente da República terá algumas prioridades, e nós não queremos que o Acre seja esquecido no próximo governo”, defendeu.   

O senador Gladson Cameli, que integra a Comissão Especial do Impeachment (CEI), deixou, por algumas horas, os trabalhos do colegiado, que discutia o relatório do senador Antônio Anastasia (PSDB-MG), favorável ao impedimento. Cameli abriu mão de participar dos debates porque uma das dificuldades era conciliar as agendas dos parlamentares. Após a reunião, retornou para a CEI e anunciou que vai votar nesta sexta-feira (06), favorávelmente à admissibilidade do processo de impedimento da presidente Dilma Rousseff. 

Cadastre seu e-mail e receba nossas novidades em primeira mão!

Comentários

Siga nas redes sociais:

Receba Novidades